Como funcionam os alimentos que contêm vitamina C

Autor: 
Jennifer Brett, N.D.

Naturalmente, as famosas frutas cítricas - laranja, limão, toranja, lima e acerola - são excelentes fontes de vitamina C. Outras muito boas, mas que as pessoas geralmente não dão atenção, são o morango, o kiwi, o melão cantalupe e o pimentão. A batata também fornece uma quantidade significativa da vitamina, desde que seja consumida regularmente.

A vitamina C existente em alimentos como o morango, o kiwi, o melão cantalupo e o pimentão pode protegê-lo contra o câncer.
2007 Publications International, Ltd.
A laranja é uma ótima fonte de vitamina C

Os frutos da roseira, usados para preparar chá,
também são ricos no nutriente. Embora o cozimento destrua parte da
vitamina C, é possível minimizar a perda se a temperatura não estiver
muito alta e se não cozinhar o alimento mais do que o necessário. Sucos de frutas também podem ser fortificadas com esse tipo de vitamina em níveis razoavelmente altos.

Aqui vai uma tabela com os alimentos ricos em vitamina C:

Alimento Quantidade
Vitamina C (mg)
Melão cantalupe 1/2 médio
194,7 
Melão amarelo 1/2 médio
160
Pimentão
cr - 1 porção
142,5
Morango
congelado ou fresco  - 1 xícara
84,5 
Suco de laranja
natural ou enlatado - 1 xícara
48,4 
Gomo de tangerina
1 xícara
50,3 
Manga
1 fruta média
57,3 
Kiwi
1 fruta média
74,5 

Mais do que qualquer outra, com exceção do ácido fólico, a vitamina C é fácil de ser destruída. A quantidade nos alimentos diminui rapidamente durante o transporte, processamento, armazenamento e preparação. Amassar ou cortar uma fruta ou verdura destrói parte da vitamina, assim como a ação da luz, do ar e do calor. Entretanto, se você mantiver o suco de laranja coberto e refrigerado, ele conservará boa parte da vitamina C, mesmo depois de alguns dias. Para obter o máximo da vitamina, o ideal é consumir sucos e verduras frescos e não processados, sempre que possível.

Para obter mais informações sobre a vitamina C, acesse os links abaixo:

  • conheça o poder de cura da vitamina C, lendo Benefícios da vitamina C (em inglês)
  • se estiver preocupado com o fato de não estar ingerindo quantidade suficiente de vitamina C, visite Deficiência de vitamina C
  • para obter mais informações sobre vitamina C em geral, verifique O que é vitamina C?
  • se você não é fã de frutas e verduras, mas ainda quer ter certeza que está consumindo vitamina C suficiente, leia Suplementos de vitamina C (em inglês)
  • para conhecer as muitas vitaminas em nossa dieta e saber a quantidade que deveria ingerir e onde encontrá-las, acesse a página Vitaminas.

 
SOBRE O AUTOR:


A Dra. Jennifer Brett é diretora do Instituto de Acupuntura da Universidade de Bridgeport (em inglês), onde também trabalha como professora na Faculdade de Medicina Naturopática. Líder reconhecida em seu campo, com vasta experiência no tratamento de várias doenças utilizando medicamentos botânicos e nutricionais, a Dra. Brett apareceu no canal americano WABC TV (NYC) e no Good Morning America para discutir o uso de plantas na saúde.

Esses dados são apenas informativos. ELES NÃO TÊM O OBJETIVO DE PROPORCIONAR ORIENTAÇÃO MÉDICA. Nem os editores de Consumer Guide (R), Publications International, Ltda., nem o autor e nem a editora se responsabilizam por quaisquer conseqüências possíveis oriundas de qualquer tratamento, procedimento, exercício, modificação alimentar, ação ou aplicação de medicação resultante da leitura ou aplicação das informações aqui contidas. A publicação dessas informações não constitui prática de medicina, e elas não substituem a orientação de seu médico ou de outros profissionais da área médica. Antes de se submeter a qualquer tratamento, o leitor deve procurar atendimento médico ou de outro profissional da área da saúde.