Como começa a tuberculose e quais os sintomas?

Autor: 
Isabela Benseñor

Chegando ao pulmão, o bacilo da tuberculose se instala nos alvéolos e começa a se dividir lentamente até que, quando atinge um determinado número, a resposta imune destrói os bacilos e não aparece a doença.

Quando a resposta imunológica não consegue parar a multiplicação do bacilo surge a tuberculose primária, que ocorre em 5% dos casos. Tuberculose primária é o nome que se dá à tuberculose quando ela se manifesta até cinco anos depois do contágio. A tuberculose primária acomete pulmões, gânglios e estruturas próximas.

Muitas vezes, os bacilos atingem um vaso sangüíneo e podem se alojar em outros órgãos como rins, ossos, entre outros. As pessoas que já apresentam alguma outra doença como diabetes ou infecção pelo vírus HIV têm um risco maior de desenvolver a tuberculose. A figura 1 mostra a radiografia de uma pessoa com tuberculose pulmonar.

Figura 1

Radiografia de pulmão de um paciente com tuberculose
Imagem cedida por La Comuna 12
Radiografia de pulmão de um paciente com tuberculose. A imagem opacificada no pulmão direito é causada pela tuberculose.

Os bacilos podem ficar dentro dos granulomas até que apareça uma oportunidade de causar a doença, quando a pessoa apresentar uma queda da imunidade. Isso acontece na infecção pelo HIV, uso de corticosteróides, diabetes, idade avançada e recebe o nome de reativação endógena. A figura 1 mostra o modo de transmissão da tuberculose e os principais sintomas.

Sintomas

A tuberculose é uma doença de evolução lenta que atinge principalmente os pulmões. Nem sempre a pessoa percebe que está doente e isso retarda a sua ida ao médico. Um sintoma comum é febre baixa persistente. Podem aparecer ainda mal-estar, fraqueza, dor de cabeça e perda de peso.

Além desses sintomas gerais, o mais freqüente na tuberculose pulmonar é a tosse acompanhada de escarro. Deve-se sempre pensar em tuberculose em uma pessoa com tosse crônica. E aproximadamente 10% dos pacientes com tose crônica podem ter tuberculose. Junto com a tosse pode haver eliminação de escarro com sangue.

Sintomas mais comuns na tuberculose:

  • Febre
  • Presença de suores noturnos
  • Dores no peito
  • Perda de peso, lenta e progressiva
  • Falta de apetite, anorexia

Embora a maior parte dos casos seja de origem pulmonar, a tuberculose pode acometer várias outras partes do corpo como os gânglios linfáticos, os rins, o sistema nervoso central e os ossos. No pulmão, em vez de acometer os alvéolos onde o ar entra, pode haver contaminação da pleura que é uma membrana que envolve o pulmão.

O acometimento da pleura pode levar acúmulo de líquido entre as duas faces da membrana causando um derrame pleural que nada mais é do que líquido entre as duas faces da membrana que envolve o pulmão. O nome popular que se usava antigamente é “água no pulmão”.

Figura 2 - Modo de transmissão e sintomas da tuberculose

­­

Imagem cedida por Colégio Web
Clique na imagem para ver versão ampliada