Que alimentos ajudam no tratamento da pressão alta?

Autor: 
Seleções do Reader's Digest, do livro "A Cura pela Comida"

O que é

Selo Reader’s

A pressão arterial é a força com a qual o sangue passa pela parede das artérias durante a circulação. A pressão alta, ou hipertensão, é um problema de saúde que acomete cerca de 15 milhões de brasileiros, e seus sintomas não se manifestam até que os danos tenham sido causados. Numericamente a pressão alta é definida como pelo menos 140 (sistólica)/90 (diastólica) mm Hg.

O que causa

A maioria dos casos de pressão alta tem causa desconhecida, e isso é chamado de hipertensão essencial ou primária. Os fatores que aumentam o risco de hipertensão são obesidade, tabagismo, ingestão abusiva de bebidas alcoólicas, sedentarismo, histórico familiar, estresse e uma alimentação rica em sal (sódio).

Como os alimentos podem ajudar

Para o controle da pressão arterial, os especialistas recomendam uma alimentação com pouca gordura saturada e rica em legumes e verduras, grãos integrais e laticínios com pouco teor de gordura. Vários nutrientes, como cálcio, fibra alimentar, magnésio, potássio e vitamina C, são abundantes em muitos desses alimentos e podem baixar muito a pressão arterial.

Pressão alta

Gorduras benéficas para o coração, as monoinsaturadas e ômega-3, podem reduzir a pressão arterial e são recomendadas em vez das saturadas e trans, nada saudáveis e encontradas principalmente na proteína animal e em alimentos industrializados, podendo obstruir as artérias e aumentar a pressão arterial.

Evite comer

A maioria dos pesquisadores aconselha uma dieta pobre em sódio para ajudar a reduzir a pressão arterial.

Algumas pessoas, principalmente idosos e diabéticos, apresentam sensibilidade ao sódio e podem ser beneficiadas se consumirem alimentos com pouco teor desse mineral.

Muitos
especialistas recomendam a ingestão de não mais de 2.400 mg de sódio
por dia para indivíduos saudáveis. A melhor maneira de diminuir a
ingestão de sódio é evitar adicionar sal à comida. Evite, também, a maioria dos alimentos industrializados, que geralmente contêm muito sódio

Estudos indicam que doses moderadas de proteína, especialmente vegetal, estão relacionadas a manutenção da pressão arterial saudável. Legumes, alimentos à base de soja e grãos, como a quinoa, fornecem quantidade adequada de proteína sem gordura saturada.
Acredita-se que a arginina, um tipo de proteína, auxilie nos casos de hipertensão porque eleva a quantidade de óxido nítrico - uma substância que atua na dilatação dos vasos sanguíneos.

Vários fitoquímicos também podem ajudar a controlar a pressão arterial. Dados epidemiológicos associam uma alimentação rica em flavonóides (encontrados em muitas frutas, legumes e verduras) à saúde da pressão arterial; os cientistas acreditam que os flavonóides podem relaxar os vasos sanguíneos, baixando a pressão.

Os compostos sulfurosos do alho e das cebolas podem auxiliar na dilatação dos vasos sanguíneos e ajudar a reduzir tanto a pressão diastólica quanto a sistólica, conforme algumas evidências clínicas.
Um fitoquímico encontrado no aipo, a ftalida, também pode contribuir para a redução da pressão arterial, por diminuir os níveis de hormônios do estresse, que contraem os vasos sanguíneos.

Embora sem comprovação, acredita-se que a rutina, um fitonutriente abundante nas maçãs e no trigo-sarraceno, diminua a pressão arterial, estabilizando os vasos sanguíneos e prevenindo a retenção de líquido no corpo.

Seu arsenal alimentar

Alimentos Nutrientes Benefícios para a saúde

Frutos do mar Linhaça
Peixes gordurosos

Ácidos graxos ômega-3 Pesquisas indicam que estas gorduras cardioprotetoras podema ajudar o sangue a circular mais livremente, reduzindo a pressão arterial.

Brócolis
Couve
Espinafre
Figo
Laticínios

Cálcio De acordo com alguns estudos populacionais, níveis baixos de cálcio estão relacionados com um risco maior de pressão alta, particularmente em pessoas sensíveis ao sódio e idosos.

Aspargo
Lentilha
Romã

Fibras alimentares Estudos demonstraram uma grande associação entre o alto consumo de fibras e a baixa pressão arterial.

Amaranto
Quinoa
Sementes

Magnésio Estudos alimentares relacionam a ingestão de magnésio com a redução da pressão arterial.

Abacate
Banana
Batata
Quinoa

Potássio Muitas pesquisas indicam que uma alimentação rica em potássio pode melhorar a pressão arterial. Acredita-se que a ingestão de doses elevadas de potássio seja tão importante quanto a ingestão moderada de sódio nos casos de hipertensão.
Brócolis Frutas cítricas Frutas silvestres Pimentão Vitamina C
Estudos clínicos preliminares e populacionais sugerem que a vitamina C pode ser benéfica por dilatar os vasos sanguíneos e promover a excreção de toxinas ambientais, como o chumbo, que podem contribuir para o aumento da pressão arterial.

Conheça mais os produtos Seleções