Obesidade tem forte impacto sobre a artrite do joelho

Autor: 
Editores HowStuffWorks Brasil

De acordo com a Academia Americana de Cirurgia Ortopédica, mais de 14 milhões de pessoas procuraram ajuda médica em função de problemas nos joelhos. Por conta disso, cinco novos estudos foram apresentados no Encontro Anual da entidade, realizado em fevereiro de 2011, e que analisou o impacto que a obesidade tem sobre a artrite do joelho e a capacidade dos pacientes de se recuperarem após uma cirurgia.

Um dos estudos descobriu que embora a perda de peso através da cirurgia bariátrica possa aliviar a dor no joelho de pacientes obesos com osteoartrite do joelho, a obesidade mórbida pode causar danos permanentes no joelho.
A pesquisa incluiu 10 pacientes diagnosticados com obesidade mórbida com osteoartrite do joelho e que foram avaliados antes e depois da cirurgia bariátrica. Os pacientes perderam em média 23 kg em um ano. Um ano após a cirurgia, a dor no joelho e seu funcionamento melhoraram.

“Por muito tempo as pessoas acharam que não havia nada que pudesse ser feito para atenuar as dores da artrite do joelho, mas hoje sabemos que a perda de peso através de cirurgia bariátrica pode ajudar”, disse Michael Sridhar, um dos pesquisadores da Universidade Emory. “No entanto, há alguns danos causados por tamanho obesidade que são irreparáveis”.

Dois outros estudos avaliaram como a obesidade pode aumentar as chances de complicações após uma cirurgia de joelho. Os pesquisadores compararam dados de pacientes considerados “super obesos” – cujo índice de massa corpórea é maior que 45, com pacientes não obesos. Os pesquisadores chegaram à conclusão de que o número total de complicações foi significativamente maior entre os “super obesos” do que entre os não obesos.

Outro estudo procurou explicar o aumento no número de cirurgias de joelho e a relação com a epidemia de obesidade. De acordo com os pesquisadores, o número de cirurgias dobrou entre os anos de 1997 e 2007. A realização de cirurgias em grupos de pessoas mais jovens triplicou neste mesmo período. E durante esses 10 anos o número de pessoas obesas aumentou em torno de 15%. Os dados sugerem que o aumento no número de cirurgia realizada em pessoas jovens se deve à lesões relacionadas a esportes e à obesidade e, como conseqüência, ao aparecimento precoce de osteoartrite.

Artigos relacionados

Publicado em 15 de fevereiro de 2011.