Fase lútea (dia 16 ao dia 28)

Autor: 
Craig Freudenrich, Ph.D.,Editores HowStuffWorks Brasil

O corpo lúteo se degenera.

  • O óvulo é varrido para fora por movimentos em ondas das paredes da trompa de Falópio.
  • Os níveis de LH e FSH caem de volta para seus níveis mais baixos e estáveis.
  • Os níveis de estrogênio caem um pouco depois do surto de LH/FSH, mas  recuperam-se devido à secreção continuada de estrogênio e progesterona pelo corpo lúteo.
  • O revestimento uterino permanece grosso e pronto para hospedar o óvulo fertilizado, ou o embrião em crescimento.
  • O corpo lúteo encolhe e começa a morrer. Ele está programado para morrer em 14 dias, a menos que receba estímulo da gonadotrofina coriônica humana (hCG), um hormônio secretado pelo embrião em crescimento.
    • Se a fertilização ocorre, e o embrião se implanta na cobertura do útero, o hCG resgata o corpo lúteo e ele continua a secretar estrogênio e progesterona durante a gravidez.
    • Se a fertilização não ocorre, o corpo lúteo morre e passa pelo útero quando a menstruação começa. Os níveis de estrogênio e progesterona caem, a menstruação começa e a cobertura do útero é perdida. Um novo ciclo começa.