A vacina da gripe

Autor: 
Stephanie Watson

Outra forma de prevenir a gripe é tomando a vacina no início de cada estação da gripe. Quanto mais cedo melhor, pois leva cerca de duas semanas para que a vacina mostre seu efeito protetor por completo. Em especial, as crianças com idade abaixo de 9 anos, que nunca tomaram a vacina, devem tomá-la logo no início porque precisarão tomar duas doses da vacina com um intervalo de um mês.

A vacina da gripe funciona como um despertador da resposta do sistema imunológico do organismo. Quando você toma a vacina, o seu corpo reconhece o vírus como um invasor e produz anticorpos contra ele. A próxima vez que o seu corpo encontrar o vírus, vai se lembrar de que o vírus é um invasor hostil e rapidamente irá produzir anticorpos para matá-lo.

Mas se o seu corpo se lembra do vírus, por que você precisa tomar a vacina da gripe a cada ano? Primeiro, porque os tipos de vírus são diferentes e mudam a cada ano. Segundo, porque a imunidade declina com o tempo.

A vacina da gripe nos EUA vem em duas formas: injetável e spray nasal.


Foto cortesia do exército americano
Soldado norte americano recebendo a vacina injetável

A injeção, que normalmente é dada no braço, é formada por três vírus diferentes. Os três tipos são escolhidos por cientistas que trabalham em laboratórios no mundo todo. Eles coletam vírus da gripe e prevêem quais tipos prevalecerão na próxima estação da gripe. Os vírus na injeção estão inativados, o que significa que não podem contaminar.

A vacina de spray nasal é chamada com freqüência de LAIV - Live Attenuated Influenza Vaccine (Vacina de Gripe Viva Atenuada) e, ao contrário da injetável, usa uma versão enfraquecida do vírus vivo. Como a injetável, ela contêm três tipos diferentes de vírus. Quando o LAIV é borrifado no nariz, funciona de forma similar à injetável, estimulando o sistema imunológico a desenvolver anti-corpos contra o vírus.

A vacina nasal é eficaz? Um amplo estudo descobriu que ela reduz a incidência de gripe em crianças pequenas (de 1 a 7 anos) em 92%. O estudo não testou a eficácia do spray em adultos. Por ser uma vacina com vírus inativados (porém vivos), a LAIV é recomendada apenas para pessoas saudáveis com idades entre 5 e 49 anos.

Quem deve ser vacinado?


Foto cortesia de Simcoe County District Health Unit
Frasco de vacina antigripe

Qualquer pessoa que esteja no grupo de alto risco - o que no Brasil, segundo o Ministério da Saúde, são os idosos, povos indígenas (a partir dos 6 meses de idade), trabalhadores em saúde e a população carcerária. Para essas pessoas há campanhas anuais específicas. A vacina também é oferecida - sem campanhas - em 38 Centros de Referência para Imunobiológicos Especiais (Crie) para pessoas para as quais a gripe e suas complicações apresentam maior risco em razão de patologias como cardiopatias, nefropatias, diabetes mellitus insulinodependente, cirrose hepática, hemoglobulinopatias. Portadores de doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC) e imunocomprometidos (transplantados, pacientes em tratamento de câncer, asmáticos, portadores de HIV e miopatias) estão nesse mesmo grupo. Também os parentes dessas pessoas podem ser vacinadas (por indicação médica).

 

Nos EUA, o CDC recomenda que todas as crianças, com idades entre 6 a 23 meses, tomem a vacina. As crianças muito pequenas têm maior probabilidade de ser hospitalizadas (e de morrer em conseqüência da gripe) do que crianças mais velhas e adultos. Como crianças com menos de 6 meses são muito novas para tomar a vacina com segurança, todas as pessoas à sua volta devem ser vacinadas também.

Adultos com idade acima de 65 anos também devem ser vacinados, assim como qualquer pessoa com uma doença crônica, como asma ou diabetes. Além disto o CDC recomenda que mulheres grávidas e pessoas que trabalham no serviço de saúde sejam vacinadas também.

Quem não deve ser vacinado?
Pessoas alérgicas a ovos não devem ser vacinadas, pois o vírus da gripe é cultivado em ovos e pode causar uma reação alérgica grave.

Outras pessoas que não devem receber a vacina de gripe são:

  • pessoas que já tenham tido uma reação forte em conseqüência de uma vacina 
  • qualquer pessoa que tenha desenvolvido Síndrome de Guillain-Barre, rara doença do sistema nervoso, em um período de seis semanas após ter tomado uma dose da vacina
  • crianças com menos de 6 meses de idade 
  • qualquer pessoa que estiver com febre

A vacina tem efeitos colaterais?
Efeitos colaterais graves são raros, mas muitas pessoas se queixam de sintomas de gripe fraca, inclusive febre, dores musculares e cansaço. Os efeitos colaterais geralmente começam algumas horas após receber a vacina e podem durar cerca de dois dias.

Para saber mais sobre a gripe e assuntos relacionado, confira os links na página a seguir.