Diabetes e problemas digestivos

Autor: 
Timothy Gower
A diabetes pode causar problemas digestivos que tiram das pessoas o prazer de comer.
A diabetes pode causar problemas digestivos
que tiram das pessoas o prazer de comer

A diabetes aumenta as chances de você ter que enfrentar um ou mais problemas digestivos. Na verdade, aproximadamente 75% das pessoas com diabetes têm pelo menos um sintoma em conseqüência de problemas digestivos. Esses sintomas podem incluir azia, dificuldade de deglutição, constipação, diarréia, incontinência fecal e demora no esvaziamento do estômago, que recebe o nome de gastroparesia.

Por que a diabetes provoca todos esses problemas no sistema digestivo? Como acontece com quase todas as complicações da diabetes, os problemas digestivos ocorrem quando ela afeta a inervação dos órgãos e partes do corpo. O sistema digestivo é formado de uma complexa rede de nervos e quando esses nervos não conseguem enviar os sinais para movimentar o alimento no trato digestivo é que acontecem os problemas. A lesão no nervo associada ao sistema digestivo é chamada de neuropatia autonômica gastrintestinal.

Alguns problemas digestivos resultantes da lesão do sistema nervoso autônomo são apenas incômodos, enquanto outros podem apresentar sérios riscos à saúde. Eles podem até mesmo interferir nos esforços cuidadosos para controlar os níveis de açúcar no sangue. Afinal, você comerá com freqüência para ajudar a manter o controle dos níveis de açúcar no sangue sabendo que isso o faz sentir dor?

Comer deveria ser um prazer, não uma fonte de dor e desconforto. Para tornar a comida uma aliada e não uma inimiga, aprenda mais sobre como a diabetes afeta o sistema digestivo, quais sintomas investigar e como tratá-los.

Como a diabetes afeta o sistema digestivo
O sistema digestivo é formado de vários órgãos e tecidos, incluindo a língua, o esôfago, o estômago, os intestinos, e outros. A diabetes pode afetar qualquer um deles. Descubra como a diabetes afeta o sistema digestivo.

Diabetes e azia
Todo mundo sabe o que é azia, mesmo que o termo não seja muito preciso. A sensação de queimação no peito é causada pela volta dos alimentos junto com o suco gástrico do estômago para o esófago. Aprenda mais sobre a diabetes e a azia.

Diabetes e dificuldade de deglutição
Uma coisa é ter dificuldade para engolir um comprimido grande, outra é ter problema para engolir sorvete, o que pode ser um sintoma de disfagia. Aprenda mais sobre essa condição, causada pela lesão no sistema nervoso autônomo em conseqüência da diabetes.

Diabetes e gastroparesia
A gastroparesia significa que o alimento fica parado no estômago mais tempo do que deveria até que a simples digestão ocorra. Aprenda mais sobre como a diabetes leva à gastroparesia.

Diabetes e constipação
A constipação é o problema digestivo mais freqüente nos diabéticos. É uma condição dolorosa e desconfortável que ocorre devido à lesão no sistema nervoso autônomo. Aprenda mais sobre a diabetes e a constipação.

Diabetes e diarréia
A diabetes pode causar constipação, mas também pode provocar diarréia. Aprenda mais sobre a diabetes e a diarréia.


Diabetes e incontinência fecal
Mais uma vez, a lesão no sistema nervoso autônomo em conseqüência da diabetes, pode levar à perda involuntária de fezes chamada de incontinência fecal. É uma das formas mais desagradáveis de neuropatia diabética. Aprenda mais sobre como a diabetes causa incontinência fecal.

Diagnóstico da neuropatia autonômica gastrintestinal (em inglês)
Neuropatia autonômica gastrintestinal é o termo usado para descrever a lesão no sistema nervoso autônomo, devido a diabetes, que causa problemas digestivos. Existem muitos testes que os médicos podem fazer para determinar o local no trato digestivo em que você tem problemas. Aprenda mais sobre esses testes e como diagnosticar a neuropatia autonômica gastrintestinal.

Para saber mais sobre a diabetes em geral, incluindo diagnóstico, causas, sintomas e tratamento, leia Como funciona a diabetes.

Sugestões de dieta para diabéticos

Um dos aspectos mais importantes do tratamento e controle da diabetes é o monitoramento do alimento ingerido. Entretanto, podem haver mais opções do que você imagina. Para saber mais sobre nutrição apropriada e diabetes, acesse os links a seguir.

  • No artigo Dieta para diabéticos você saberá quais grupos de alimentos são apropriados para a diabetes e quais você deve evitar.
  • Confira o artigo sobre receitas para diabéticos (em inglês) para encontrar pratos simples e deliciosos que você pode fazer e que não provocarão queda de açúcar no sangue.

Esses dados são apenas informativos. ELES NÃO SUBSTITUEM AS ORIENTAÇÕES MÉDICAS. Nem os editores de Consumer Guide (R), Publications International, Ltda., nem o autor, nem a editora se responsabilizam por quaisquer conseqüências possíveis oriundas de tratamento, procedimento, exercício, modificação alimentar, ação ou aplicação de medicação resultante da leitura ou aplicação das informações aqui contidas. A publicação dessas informações não constitui prática de medicina e elas não substituem a orientação de seu médico ou de outros profissionais da área médica. Antes de se submeter a qualquer tratamento, o leitor deve procurar atendimento médico ou de outro profissional da área da saúde.