O que é cocaína?

Autor: 
Stephanie Watson

Imagem cedida por U.S. DEA
Planta de coca

O crack é feito da cocaína, uma droga em pó derivada das folhas da planta de coca, cultivada principalmente na América do Sul. Apesar de a coca só ter ganho notoriedade nos Estados Unidos depois dos anos 80, ela é usada há séculos. Muitas gerações de índios sul-americanos mastigavam suas folhas para ganhar força e energia.

A cocaína foi extraída das folhas de coca pela primeira vez no século XIX. Naquela época, era usada para propósitos medicinais em bebidas, e a história é verdadeira: a Coca-Cola já teve cocaína em sua fórmula. No final do século XIX, a cocaína também era usada como anestésico e para prevenir sangramentos excessivos durante cirurgias. No século seguinte, as pessoas começaram a perceber que a cocaína era um narcótico viciante, e o uso da droga com finalidades não-medicinais tornou-se ilegal com a aprovação da Harrison Narcotics Tax Act (site em inglês), uma lei contra os narcóticos, em 1914.


Imagem cedida por U.S. Drug Enforcement Administration
Cocaína em pó

A fórmula química da cocaína é C17H21NO4. Visite IPCS: cocaína (site em inglês) para ver sua estrutura química.

Tráfico de cocaína
A maior parte da cocaína que chega aos Estados Unidos hoje é proveniente da Colômbia, Bolívia e Peru. A cocaína geralmente é contrabandeada para os Estados Unidos através da fronteira com o México. Ela chega no país na forma de pó e é transformada em crack pelo grande ou pequeno vendedor (as gangues são responsáveis pela maior parte do mercado de pequeno porte nos Estados Unidos).

A cocaína é uma droga que pode ser utilizada de três maneiras: cheirando, injetando ou fumando. A forma cheirada, ou seja, a cocaína em pó, é feita pela dissolução da pasta de coca retirada das folhas da planta em uma mistura de ácido hidroclorídrico e água. Sal potássico é acrescentado à mistura para separar as substâncias indesejadas, que devem ser removidas. Então, acrescenta-se amônia à solução restante, e o pó sólido da cocaína se separa. Para injetar cocaína, o usuário mistura o pó com um pouco de água e usa uma seringa hipodérmica para forçar a solução diretamente na veia.

A cocaína em pó forma a base da cocaína de base livre. A cocaína de base livre tem um ponto de fusão baixo, por isso pode ser fumada. Ela é feita através da dissolução da cocaína em pó em água misturada com uma solução alcalóide forte, como a amônia. Então, um solvente altamente inflamável, como o éter, é acrescentado, e uma base sólida de cocaína se separa da solução.

O crack é um tipo de base livre da cocaína ainda mais fácil de ser preparado.

Colômbia no topo
Segundo relatório da ONU, a Colômbia continua sendo o maior produtor da folha de coca do mundo. As áreas de plantações ilegais cresceram 27% entre 2006 e 2007.

Leia mais em VEJA.com