Como parar de ranger os dentes

Cada pessoa lida com o excesso de estresse de maneira diferente. Há pessoas que desenvolvem uma úlcera, outras desenvolvem pressão arterial alta e outras rangem ou apertam os dentes.

O estresse, acredita-se, é a principal causa para as pessoas rangerem e trincarem os dentes, de acordo com os pesquisadores. No passado, uma maloclusão (a maneira que seus dentes se encaixam) era a culpada, e os dentistas diminuíam os dentes na tentativa de reajustar a mordida.

Há uma pequena porcentagem dos casos em que os hábitos do sono são os responsáveis. E as razões pelas quais as crianças rangem os dentes ainda não estão claras.

O problema do bruxismo, o nome que recebe o hábito de ranger e trincar os dentes, é que ele acaba com os seus dentes. Quando você range os dentes, pode desgastar o esmalte dos dentes. E isso pode levar a dentes sensíveis e cáries, além de também causar danos a tratamentos caros que você já fez no dentista. Por último, ranger os dentes sobrecarrega os músculos e articulações do têmporo-mandibular (mandíbula). Ranger os dentes por muito tempo pode danificar a articulação da mandíbula a tal ponto que cause osteoartrite e perda óssea na periodontite (gengiva), embora não chegue a causar doença da gengiva.

Acredita-se que esse hábito é hereditário. E também é relacionado ao sexo: o número de mulheres com esse problema é três vezes maior do que o número de homens. O bruxismo é mais comum nas pessoas entre 20 e 40 anos de idade.

Ironicamente, a pessoa que range os dentes regularmente pode ter menos danos do que quem range de vez em quando, mais ou menos como no caso do atleta de final de semana que não está preparado para atividades intensas. Quem range regularmente pode desgastar os dentes, mas seus músculos ficam mais fortes com o hábito.

Trincar os dentes pode fazer mais mal do que ranger, já que, embora sua mandíbula seja projetada para mastigar, ela não foi projetada para trincar. Como resultado, trincar os dentes pode causar deterioração da articulação.

Pessoas que rangem os dentes costumam estar cientes do seu hábito. Eles acordam com o maxilar rígido ou cansado, ou o parceiro ouve os sons durante a noite. Quem trinca os dentes, por outro lado, pode não ter a mínima idéia do problema. Algumas pessoas passam o dia com os dentes trincados e nem percebem (embora achem que têm uma dor no maxilar que aumenta no decorrer do dia.)

Neste artigo, vamos lhe dar algumas dicas de como parar o bruxismo e diminuir o desconforto que ele causa.

Essas informações são apenas para fins ilustrativos. E NÃO DEVEM SER LEVADAS EM CONSIDERAÇÃO COMO CONSELHOS MÉDICOS. Nem os Editores do Consumer Guide (R), Publications International, Ltd., o autor ou a editora assumem responsabilidade por quaisquer conseqüências decorrentes de qualquer tratamento, procedimento, exercícios, alterações de dieta, ação ou aplicação de medicamentos utilizados após ler ou seguir as informações contidas neste artigo. A publicação destas informações não constitui a prática de medicina, e não substituem o conselho de seu médico ou outro profissional da saúde. Antes de se submeter a qualquer tratamento, o leitor deve procurar o aconselhamento de seu médico ou outro profissional da saúde responsável.