Insônia e distúrbios do ritmo circadiano

Autor: 
Virgil D. Wooten, M.D.

O ritmo circadiano é um mecanismo do corpo para ajustar o relógio biológico. O corpo tem um tipo de marcapasso interno, ou relógio, centralizado no cérebro. Esse relógio governa o apetite e o sono, e o cérebro gosta de se manter no horário com base nesse relógio.

Mas o que acontece se seu estilo de vida está fora de sincronia com seu relógio biológico? E se você precisa ficar acordado e trabalhando quando seu cérebro manda seu corpo dormir? Algumas interrupções do sono podem levar a um conflito entre o relógio biológico e seu estilo de vida. Essas alterações secundárias do sono são chamadas de distúrbios do ritmo circadiano. Dois dos exemplos mais comuns de alterações do ritmo circadiano são o jet lag e o trabalho noturno.

Uma boa maneira de entender o quanto seu relógio biológico pode ser "teimoso" e o quanto é difícil ajustá-lo, é saber que o relógio também afeta comportamentos, como o apetite. Não é porque você muda repentinamente seus horários de comer que seu corpo sentirá fome automaticamente nos novos horários. Da mesma forma, não é porque você muda de um emprego diurno para um que mantenha você trabalhando até às 2h da madrugada que seu corpo se ajustará automaticamente a esse novo horário de dormir e acordar.

Seu relógio circadiano pode se ajustar, mas isso, geralmente, leva algum tempo. Se você mudar seu horário de dormir, seu corpo se ajustará, mas só se você o mantiver dentro dos novos horários de dormir e acordar. Além disso, parece que o corpo se adapta melhor se o horário de dormir mudar para mais tarde do que para mais cedo. Como você aprenderá logo, essa parece ser a razão pela qual, quando se viaja através de fusos horários, você se adapta mais facilmente quando vai de leste para oeste.

O tratamento de distúrbios do ritmo circadiano freqüentemente envolve uma combinação de cronoterapia (mudando gradualmente o horário de dormir, para mais cedo ou para mais tarde) e terapia com luz (expondo-se à luz solar para reajustar o relógio biológico e reforçar o horário de ficar acordado). Por exemplo, se seu corpo pede para dormir até mais tarde de manhã, mas você precisa acordar mais cedo, tente mudar gradualmente seu horário de dormir e se expor à luz do sol bem cedo para ajudar a reajustar seu ciclo de dormir e acordar.

O jet lag é uma causa particularmente teimosa da insônia. Aprenda a superá-la na próxima seção.