Cafeína e dopamina

Autor: 
Marshall Brain

A cafeína também aumenta os níveis de dopamina, da mesma forma que as anfetaminas. A heroína e a cocaína também manipulam os níveis desta substância, diminuindo a taxa de reabsorção. A dopamina é um neurotransmissor que ativa o centro do prazer em certas partes do cérebro. Obviamente, o efeito da cafeína é bem menor que o da heroína, mas o mecanismo é o mesmo. Existe a suspeita de que a conexão com a dopamina contribua para tornar o indivíduo dependente de cafeína.

Agora você sabe por que o seu organismo pode desejar cafeína em curtos intervalos de tempo, especialmente se você está com sono e precisa permanecer acordado. A cafeína bloqueia a recepção de adenosina, deixando você alerta; injeta adrenalina no sistema, dando a você uma dose extra de ânimo, e manipula a produção de dopamina, fazendo você se sentir bem.

O problema são os efeitos a longo prazo, que tendem a se tornar um ciclo. Uma vez que o nível de adrenalina diminui, você experimenta uma sensação de fadiga e depressão. Então, o que faz? Toma mais cafeína para aumentar novamente o nível de adrenalina. Como você pode imaginar, colocar o seu corpo em estado de alerta durante todo o dia não é muito saudável e pode deixá-lo agitado e irritadiço.

O problema mais sério a longo prazo é o efeito da cafeína sobre o sono. A recepção de adenosina é importante para o sono e, principalmente, para dormir profundamente. O tempo de permanência da cafeína no seu corpo é de seis horas. Isso significa que, se você consumir um copo grande de café com 200 mg de cafeína às 15:00, às 21:00 cerca de 100 mg de cafeína ainda estarão em sua corrente sangüínea. Você pode cochilar, mas seu corpo provavelmente sentirá falta de um sono profundo. Como essa falta de sono se acumula, no dia seguinte você se sente péssimo e vai precisar de cafeína tão logo saia da cama. O ciclo continua dia após dia.

É por isso que 90% dos americanos consomem cafeína diariamente. Uma vez dentro do ciclo, é preciso continuar tomando a droga. Mesmo se sentindo péssimo, se você tentar parar de tomar cafeína, ficará muito cansado, deprimido e terá uma terrível dor de cabeça, já que os vasos sangüíneos do cérebro se dilatam. Esses efeitos negativos forçam-no a voltar a consumir cafeína, mesmo se quiser parar.

Para mais informações sobre cafeína e tópicos relacionados, confira os links da próxima página.